24.10.19

BIBLIOTECAS FANTÁSTICAS

Desde a Biblioteca invitáronnos a descubrir bibliotecas fantásticas de todo o mundo.



Desde o noso proxecto "Derrubando fronteiras" a proposta para toda a comunidade educativa foi descubrir ademais da Biblioteca da Cidade da Cultura en Santiago de Compostela, a biblioteca Joanina en Coimbra e a librería Lello no Porto, tamén moi perto de nós.

Biblioteca Joanina é uma biblioteca do século XVIII situada no Palácio das Escolas  da Universidade de Coimbra, no pátio da Facultade de Dereito. Apresenta um estilo marcadamente barroco, sendo reconhecida com uma das mais originais e espectaculares bibliotecas barrocas europeias. Além de local de pesquisa de muitos estudiosos, o espaço é ainda frequentemente utilizado para concertos, exposições e outras manifestações culturais. A sua construção começou no ano de 1717, no exterior do primitivo perímetro islâmico, sobre o antigo cárcere do Paço Real, com o objectivo de albergar a biblioteca universitária de Coimbra, e foi concluída em 1728.




Concebida segundo projeto do engenheiro Xavier Esteves, a Livraria Lello é um dos mais emblemáticos edifícios do neogótico portuense, estilo dominante no início de século XX.
A fachada apresenta um arco abatido de grandes dimensões, com entrada central e duas montras  laterais. No interior, os arcos quebrados, os teitos rabalhados, o grande vitral que ostenta a divisa da livraria "Decus in Labore" e a escadaria de grandes dimensões de acesso ao primeiro piso são as marcas mais significativas da livraria.
As escadarias da Lello também são conhecidas por ser a inspiração da livraria onde Harry Potter conheceu Gilderoy Lockhart no livro "Harry Potter e a câmera dos segredos", já que J.K. Rowling chegou a morar na cidade do Porto.


 

 

No comments:

Post a Comment

e ti que dis?